Sobre isolamento, aflições e desânimo


Não importa muito a hora que você acorde, vai dormir ou se fez ginástica: Sua rotina mudou. Sabe aquela raiva por chegar 10 min atrasada ou o lamento pelo dia não ter mais horas para você dar conta de todas as tarefas? Isso nunca fez tanta falta.

Particularmente, ainda me considero ativo em casa e com aulas virtuais da Faculdade, porém, a mente sabe que tem algo de errado e responde na forma de bloqueios criativos, mau humor e melancolia.


Não tenho a pretensão de comparar sofrimentos pois sei que que está na linha de frente vive um mundo à parte do meu, mas posso afirmar que essas mentes alheias estão tão modificadas quanto à minha.


Termino, sendo bem suscinto, perguntando: Como anda a sua mente? Melhor ou pior, focada ou dispersa, só posso afirmar com toda a certeza de uma quarentena, que ela está diferente.

Publicado por Luis Cesar

Estudante de Jornalismo e Instrutor de Robótica, Games, Modelagem 3D e Analista de Informática Educativa.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Crie um novo site no WordPress.com
Comece agora
%d blogueiros gostam disto: